A seção FLASBACK é para séries antigas e canceladas. DÚVIDAS? REVIEW DE EPS. PILOTS são para as pessoas que estão a procura de séries novas e querem saber se ela vale a pena assistir ou não, então nela haverá reviews somente de primeiros episódios das séries novas que estão chegando.

domingo, 25 de setembro de 2011

Review: Doctor Who - 6x12 Closing Time

Craig, Stormaggedon e o Doctor trazem muitas risadas para este episódio fantástico. Além disso, um ótimo cliffhanger para a Season Finale.


Escritor: Gareth Roberts

Mais um episódio fantástico para Doctor Who. Quando a gente pensa que depois de vários episódios ótimos, pelo menos um chatinho tem que vir, mas faltando um episódio para a season finale, The Wedding of River Song, Doctor Who mais uma vez acerta em cheio, trazendo humor, suspense, e principalmente, tristeza. Em Closing Time o Doctor aparece pela primeira vez sem Amy e Rory, e devo confessar que não senti nem um pouco a falta deles porque adoro o Craig, ainda mais com seu bebê lindo aparecendo e, acredite quem quiser, ajudando.

O dia final do Doctor está chegando, podemos ver a tristeza e até o anseio em seus olhos. Ele se diz tão velho, e pelas suas palavras e ações, parece que ele realmente quer morrer. Em Closing Time é praticamente uma última aventura para o Doctor antes de ele morrer, há despedidas emocionantes, principalmente para a TARDIS, tudo está de quebrar o coração. Mas além de tudo isso, o Doctor está mais engraçado do que nunca. Em Closing Time ele decide trabalhar em uma loja para descobrir o que está acontecendo na cidade de Craig. Adorei ter visto o Doctor finalmente se comunicando e se divertindo com pessoas normais e humanas, ele adora crianças e a maneira que ele cuida de Alfie é linda de morrer. Matt Smith mais uma vez me impressionou com sua atuação impecável, que puta ator.

 

Os cyberman estão de volta! Mas essa foi a parte decepcionante do episódio, por incrível que pareça. Eles tiveram uma parte mínima no episódio, fui tudo mais investigação e humor do que um confronto contra os cyberman. Eles apenas aparecem no final, a luta é breve, mas também de tirar o fôlego. Durante todo o episódio Craig luta em como ser pai, ele não sabe muita coisa ainda e não sabe se ele pode dar conta de toda a situação "bebê", mas neste final podemos ver o quanto ele vai ser um pai maravilhoso e carinhoso. Muitos acham que ele será o novo companion do Doctor, mas acho isso difícil, pois Craig é casado, tem um recém nascido em casa e está feliz onde está.

Em Closing Time apenas há uma pequena participação de Amy e Rory, eles aparecem de longe e nem se comunicam com o Doctor. Eles parecem estar felizes e Amy está famosa por causa de uma linha de perfume de sua criação, The girl who got tired of waiting. Achei a cena fofa, nada forçado e podemos ver a dor no rosto do Doctor pela falta que eles fazem, mas apesar disso ele se mantem longe e não faz contato. O que achei a coisa certa a fazer. E ainda em Closing Time há muitas respostas sobre o começo de "The impossible Astronaut", o primeiro episódio da 6° temporada.

 

Os cinco minutos finais são especialmente de River Song, e devo dizer que a minha dor, tristeza e desespero surgiram logo aí. O cliffhanger para a season finale começa aqui, e um aperto no coração e muitas, muitas emoções foi o que passou por mim. Quando pensamos que finalmente River Song deixou Melody Pond para trás, tudo volta em uma reviravolta nada menos que fantástica. Madame Kovarian e os Silents voltam para aquilo que sempre quiseram e fazem de River uma arma para o Doctor. A atuação de Alex Kingston estava nada menos que pura perfeição, mostrando ao tele espectador o amor que River sente pelo Doctor e que não quer de jeito nenhum ser nenhuma arma contra o homem que ama. A música Theme de River mais uma vez toca, e a cena se torna inesquecível, trazendo à tona lágrimas que querem cair. 

 

A música de fazer os pelos se arrepiarem de Night Terrors volta para os cinco minutos finais, mas desta vez ela está completa, tornando real aquilo que não queremos que aconteça. Eu confesso que eu sempre soube, mas lá no fundo eu queria que não fosse verdade. A vida de River Song já era tão trágica, agora ficou um milhão mais trágica. Espero que a season finale seja satisfatória, e que Steven Moffat não estrague a minha personagem favorita, porque eu quero River Song na 7° temporada. Quem não quer?

Prequel para The Wedding of River Song

Nota de Alex Porto: 8.5

OBS.: Os gifs deste post não são de minha autoria, mas sim de pessoas talentosas do Tumblr.

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Facebook Themes